sábado, 31 de março de 2012

Primeiro de abril: Comercial de Red Bull proibido

Caiu no primeiro de abril

No começo do século XVI, o Ano Novo pelo calendário romano era festejado no início da primavera – no dia 25 de março. Estas festas – a versão old fashion do réveillon – eram bem animadas e duravam uma semana, terminando – adivinha quando? – no dia primeiro de abril.

Aí, o papa Gregório XIII resolveu marcar presença e decidiu que o primeiro de janeiro passaria a ser o primeiro dia do ano. Os franceses – mais conservadores – resistiram à mudança e tentaram manter a tradição. Os moradores de outros países aproveitaram então para pregar peças e enganar os vizinhos franceses enviando convites para festas que não existiam e presentes estranhos. Assim, nasceu o Dia da Mentira, que é a falsa comemoração do Ano Novo.

Aliás, o primeiro de abril este ano cai num domingo - dia de maior consumo de bebidas. Segundo estudo do Portal Saúde, a frequência de adultos que consomem refrigerantes cinco ou mais dias da semana varia de 21% em Aracaju (menor regularidade) a 38% no Macapá (maior regularidade). No conjunto das capitais e Distrito Federal, 26,7% dos entrevistados bebem refrigerantes. Os homens bebem com maior frequência (31,7%) que as mulheres (22,4%). Entre os homens adultos, Porto Velho é a capital onde há maior consumo (43%) e o menor em Natal (19%). Entre as mulheres, o maior percentual de consumo da bebida é em Macapá, com (38%), e o menor em Natal (12%).

Parece piada de primeiro de abril

À primeira vista parece que o Conar resolveu pregar uma peça no dia dos Tolos. Mas foi censura mesmo. O conselho – que vive uma crise de identidade desde que nasceu – acaba de anunciar que decidiu suspender a veiculação do comercial de Red Bull por satirizar o milagre no qual Jesus caminha sobre as águas. A decisão foi tomada esta semana. O filme proibido foi exibido no Blog do Refri no dia 17 de março. Confira em http://www.blogger.com/post-edit.g?blogID=2990570550463072433&postID=4113192428038924852

quarta-feira, 28 de março de 2012

Acelerações e freadas bruscas a cada volta...!



Refrigerante: como na Fórmula 1

A categoria dos refrigerantes acusou, em 2011, a sétima retração consecutiva de volume de vendas nos Estados Unidos. Desta vez, a perda de mercado foi de 1%.dos Estados Unidos. Tais bebidas tiveram o volume de vendas reduzido em 1%. Segundo estudo da Beverage Digest, somente as marcas Dr Pepper, Diet Mountain Dew, Fanta e Sprite anunciaram crescimento no ano passado.

Entre as top ten, o maior avanço foi da marca Fanta, com crescimento de 3%. A briga pela primeira fila - como na Fórmula 1 - tem a Coca-Cola na pole position, a Diet Coke em segundo e a Pepsi em terceiro - na segunda fila. A líder perdeu 1% de mercado, a segunda caiu 4% e a terceira 4,8%. A maior queda ficou com a Diet Pepsi, com 8,2% de retração.

terça-feira, 27 de março de 2012

Uma câmera na mão e o refrigerante na cabeça...


Impressione seus amigos no próximo encontro!

Está vendo a foto acima? Pois é. Não tem truque nenhum. O Blog do Refri vai dar uma dica para você vencer qualquer discussão: debata um assunto de certa relevância e beba seu refrigerante preferido - qualquer um - até um pouquinho mais que a metade. Enquanto estiver conversando, tente equilibrar a latinha. Quando perceber que ela pode ficar solta como esta, levante-se e diga algo como "só os equilibrados conseguem" ou qualquer outra bobagem e, simplesmente, saia da mesa. Pronto! Você ganhou o dia... Mais um serviço de utilidade pública do Blog do Refri.


Flagrante de estacionamento irregular de caminhão

O Blog do Refri percorre as ruas sempre em busca de fotos interessantes como as duas publicadas nesta edição. Nesta, um caminhão da Coca-Cola para em fila dupla no bairro carioca do Flamengo e tumultua o trânsito. O triciclista repara na câmera e faz pose.

O vendedor Chico Anysio

Com seu jeito divertido e seus cerca de duzentos personagens, o humorista Chico Anysio tinha o poder de se aproximar das pessoas dos mais diferentes pontos do país. A publicidade descobriu que Chico poderia vender qualquer produto com sua fórmula de bom humor. O humorista - que morreu na semana passada - "vendeu" as mais diferentes marcas: além das sandálias Havaianas, foi garoto-propaganda dos televisores Sharp, de caminhonetes da Ford, dos refrigeradores Cônsul, de caça-níqueis como o Papa-Tudo e também da Coca-Cola, neste comercial de 1979, quando tinha 47 anos. Como se não bastasse a presença dele, a campanha tinha ainda o irresistível jingle "Coca-Cola e um sorriso". Confira:

video

segunda-feira, 26 de março de 2012

Abandonada no altar se casa com Jonatas Faro!


Novo filme da Pepsi. Pode ser?

Tem criação de AlmapBBDO e produção da Sentimental Filmes o novo filme da campanha “Pode ser Pepsi” que entrou no ar neste sábado (24 de março) nas emissoras abertas e a cabo do Brasil. A noiva triste é abandonada pelo noivo em pleno altar. Para não estragar a festa, alguém pergunta se o ator bonitão Jonatas Faro “pode ser” seu novo noivo. Ela aceita mas é preciso um juiz para a celebração.

Na falta de um juiz de paz, “pode ser” um juiz de futebol: o também narrador Silvio “olho no lance” Luiz. O Blog do Refri não perde essa mania de contar o final dos filmes. Assista ao comercial logo aí embaixo. Pode ser?

video

sábado, 24 de março de 2012

Consciência ecológica também gera lucros...


Reciclagem é grande negócio em Manaus

Manaus está entre as cidades brasileiras que mais reciclam o PET das garrafas de bebidas. Os catadores da capital amazonense recolhem, por dia, cerca de 20 toneladas de resíduos que, antes, iam parar nos leitos dos rios desta que é a maior bacia hidrográfica do planeta. Agora, as pets são usadas, por exemplo, na fabricação de telhas: leves, duráveis, bonitas e baratas. Para cada uma delas são usadas 136 garrafas pet que seriam descartadas na natureza.

Um dos fabricantes é a Telhas Leve. Cada telha pesa 950 gramas – 5,7 kg o metro quadrado – tem vida útil de 40 anos e está livre das porosidades que normalmente "enraízam sujeiras" nas telhas tradicionais. As telhas são produzidas simulando uma sequência de três Telhas Romanas tradicionais, com a vantagem de serem exatamente iguais em suas propriedades e dimensões. A prefeitura manauense estuda usar as telhas como cobertura das paradas de ônibus. Uma garrafa PET demora cerca de 450 anos para decompor na natureza.

As garrafas PET sustentam um hotel flutuante às margens do Rio Negro. Ali, foram usadas mais de 400 mil garrafas, usadas como base de sustentação de um hotel flutuante. A ideia ecologicamente correta é do empresário Moisés Bichara. As pets ficam presas por baixo das tábuas, garantindo a flutuação dos chalés e das passarelas de acesso aos quartos.

sexta-feira, 23 de março de 2012

Diga cinco vezes em voz alta: "blog globalizado"...


Um blog globalizado

Nas últimas 48 horas, o Blog do Refri recebeu a visita de leitores dos seguintes países: Angola, Canadá, Chile, Chipre, Emirados Árabes, Espanha, Estados Unidos, Honduras, México, Moçambique, Japão, Panamá e Portugal. A todos os leitores - daqui e acolá - nosso muito obrigado!

A nova campanha da Coca-Cola

O novo filme da Coca-Cola - "Heróis" - entra no ar esta semana no Brasil com trilha sonora homônima, escrita por David Bowie. Apesar da interpretação idênitica ao sucesso do cantor, a música é cantada pela banda Wallflowers. “Heróis” relembra momentos memoráveis da infância, quando crianças acreditavam ter superpoderes para vencer todos os desafios. Na passagem de tempo, a menina - vestida de Mulher-Maravilha - transforma-se numa professora enquanto o franzino menino-herói de vermelho vira um forte adulto-herói.

O filme é continuação da campanha “Razões para acreditar. Os bons são maioria”. Com a música Whatever, do Oasis, cantada por um coral de crianças. O filme tem direção de Ronaldo Soares. Confira:
video