quinta-feira, 21 de junho de 2018

Shake de Café, uma dica para o seu pré-treino


Alavancando resultados

Pensando nos melhores resultados para quem pratica atividades físicas, a nutricionista clínica funcional e esportiva Maria Fernanda Siqueira criou, a convite do Coffee & Joy Cafés Especiais, uma receita de shake termogênico pré-treino. O sabor é parecido com um Milk Shake de Cappuccino e deve ser consumido de 40 a 50 minutos antes do treino.

Por ser uma refeição bem completa, pode ser feita em outros horários do dia também, contando que tenha indicação de um profissional nutricionista. Os ingredientes desta receita foram escolhidos propositalmente para levar mais benefícios para quem procura uma excelente opção de refeição antes do treino.

Veja só:

Primeiro, o café especial, que contém cafeína: substância que apresenta vastos estudos comprovando seu benefício na atividade física e emagrecimento, além de ser um estimulante natural do sistema nervoso. Lembrando que o café, assim como os demais ingredientes, devem ser sempre de qualidade.

A mistura de cacau e canela, é rica em inúmeros nutrientes e também dá aquele boost para a atividade física. A proteína de alta qualidade, por sua vez, auxilia no ganho de massa magra, dá mais energia e é fonte de vitaminas e minerais.

Por último, mas não menos importante, a pasta de amendoim (ou de castanha),  é fonte de gorduras benéficas que vai manter a energia da refeição por mais tempo, evitando picos de glicemia durante o treino.

Shake Pré-treino com café especial Coffee & Joy

Tempo de preparo: 10min

Dificuldade: Fácil

Rendimento: 1 porção

Ingredientes

50 ml de café especial congelado (aqui, usamos o café Guerreiro Bourbon, do Coffee & Joy)

30 g de Proteína Sabor Chocolate ou Chocolate Branco (Para esta receita, utilizamos o 3 Whey Protein Probiótica, sabor chocolate, da República Imports)

1 Colher de Sobremesa de pasta de Amendoin Sugar Free

1 Colher de Chá de Cacau Orgânico em Pó

1 Colher de Chá de Canela em Pó

100 ml de Água

Nibs de Cacau (opcional)

Modo de Preparo

Faça 4 cubos de gelo com o café especial, colocando o café pronto em forminhas e, depois, direto para o congelador por 3 horas ou até que o café congele por inteiro. Nesta receita, utilizamos o café Guerreiro Bourbon, do Coffee & Joy, coado do filtro de papel.

Junte todos os ingredientes e bata no liquidificador por 30 segundos ou até que fique homogêneo.

Se preferir, adicione Nibs de Cacau por cima (opcional)

Agora é só servir e apreciar um dos melhores momentos do seu dia.

terça-feira, 19 de junho de 2018

Guaraná Antarctica e Avianca se juntam para oferecer o mais brasileiro dos serviços de bordo


Senhores passageiros...

Guaraná Antarctica e Avianca vão oferecer o mais brasileiro dos serviços de bordo para os passageiros de 271 voos da companhia entre 13 de junho e 13 de julho. Para celebrar sua brasilidade, o refrigerante vai deixar mais especiais as viagens nacionais com alguns quitutes que são a nossa cara. Além de Guaraná Antarctica, a companhia aérea terá um cardápio com coxinha, pão de queijo e brigadeiro, itens essenciais nas nossas festas de norte a sul.

”Os passageiros vão receber um kit com o refrigerante mais brasileiro do mundo e as comidinhas que são preferência nacional para poder saborear o que temos de melhor e assim reforçamos nossas tradições com os brasileiros que viajarão nos voos da Avianca pelo país”, diz Jaqueline Barsi, gerente de marketing de Guaraná Antarctica.

"Nosso serviço é conhecido e reconhecido por sua qualidade, e parcerias como a que estabelecemos com o Guaraná Antarctica só reforçam a atenção e o cuidado que temos com cada um dos milhares de passageiros que voam conosco. Celebrar o Brasil por meio de nosso serviço de bordo é muito simbólico e especial para a família Avianca", afirma Frederico Pedreira, presidente da empresa aérea no país. 

sexta-feira, 15 de junho de 2018

Desinchá: o querido do estilo de vida saudável


Blend 100% natural

Com menos de um ano no mercado brasileiro, a Desinchá, primeiro blend de chá 100% natural com foco em emagrecimento do Brasil, já se tornou sucesso entre o público que busca pela alimentação saudável. Famosas como a influenciadora Gabriela Pugliesi adotaram o consumo do chá em sua rotina, que apresenta a proposta de desinchar em um período de 60 dias.

Lançada em dezembro do ano passado, a marca, que foi pensada pelos empreendedores Eduardo Vanzak e Lohran Schmidt, cresceu cerca de 1.850% em cinco meses, podendo ser encontrada em mais de 700 pontos de vendas em todo o país.

Resultado de dois anos de estudos para desenvolver a fórmula, o produto é composto por oito ingredientes, todos naturais: chá verde, carqueja, mate verde, hortelã, gengibre, guaraná, sálvia e alecrim. Desenvolvido exclusivamente para diminuir o inchaço e dar mais energia, Desinchá também auxilia na perda de peso ao acelerar o metabolismo, como parte de uma rotina saudável.

A marca propõe o consumo do chá durante um período de 60 dias - cada caixa vem com 60 sachês, aliado a uma alimentação balanceada, atividade física e práticas que garantam o bem-estar. De acordo com Eduardo Vanzak, pesquisas foram realizadas e apontam que para incorporar um novo hábito, são necessários 60 dias, por isso a proposta da Desinchá.

A caixa, com 60 sachês, tem o preço sugerido de R$ 86,00 e pode ser encontrada nas principais lojas de produtos naturais, empórios e supermercados de todo o país. Além disso, podem ser adquiridas pelo site http://loja.desincha.com.br/Desincha.

Sobre a Desinchá

Lançado em dezembro de 2017 depois de dois anos de pesquisas em parceria com laboratórios e nutricionistas, Desinchá é o primeiro blend de chá 100% natural do Brasil com foco no auxílio ao emagrecimento.

Composto por oito ingredientes 100% naturais: chá verde, carqueja, mate verde, hortelã, gengibre, guaraná, sálvia, alecrim, foi exclusivamente pensado para diminuir o inchaço do corpo, dar mais energia, trazer mais saúde, acelerar o metabolismo e ajudar na perda de peso com saúde. 


terça-feira, 12 de junho de 2018

Redes do food service aderem ao autoatendimento

Auto o quê?

Apontado como uma das tendências que vem transformando o modo de se relacionar com o consumidor, o autoatendimento já é realidade no food service. Segundo o The Street, um exemplo disso é a rede McDonald’s que planeja investir cerca de R$ 9 bi em modernização e abertura de novas lojas com a tecnologia, até o fim de 2019.

Dados da Abia (Associação Brasileira da Indústria de Alimentação) revelam que o food service representa 10,1% do PIB nacional e que a tecnologia pode ter grande impacto sobre os números. No Brasil, o autoatendimento começa a ser implementado em praças de alimentação e restaurantes, seguindo o modelo internacional das grandes redes do setor.

Nesse sentido, o Grupo Madero, dos restaurantes Madero Steakhouse e Madero Container passa por transformações no processo operacional. Ao final de 2017 lançaram a marca Jeronimo, uma hamburgueria estilo fast casual, com totens de autoatendimento. Em menos de dois meses, expandiram a tecnologia ao Madero Container. Segundo Felipe M. Lo Sardo, CEO da empresa de tecnologia que desenvolve o software, os resultados foram tão expressivos que as duas novas marcas do grupo (Vó Maria Durski e A Sanduicheria do Junior Durski) inauguraram apenas com atendimento via totem.

Quando se fala em preferência do cliente, o resultado é expressivo: segundo pesquisas da Schalter, um totem consegue atender até quatro vezes mais clientes que um caixa comum. “Cerca de 90% dos nossos clientes preferem o totem ao caixa. Temos apenas um caixa na operação, e ele fica quase sempre vazio", ressalta Rafael Mello, diretor de operações do Grupo Madero. Pesquisa feita pela Croma Marketing Solutions demonstra que pelo menos 50% dos consumidores preferem o autoatendimento na hora da compra.

A proposta deste novo modelo de compra é dar autonomia aos consumidores. “As pessoas querem liderar o processo decisório na hora da refeição. Quando ela tem um terminal de autoatendimento intuitivo, visual e dinâmico resulta num aumento do ticket versus a interação pessoal, em que ela não tem acesso a todo o cardápio”, enfatiza Davi Grinberg, diretor do McDonald’s. Até o fim de 2019, o McDonald’s espera ter pelo menos 70% de suas lojas com a tecnologia e planeja investir cerca de R$ 60 mi apenas em autoatendimento.

Nesse ritmo, tende-se a diminuir o número de caixas, mas ampliar a equipe da cozinha, uma vez que a demanda de pedidos cresce. Assim, há a previsão de que sejam criados novos postos de trabalho no setor.

Além dos restaurantes do Grupo Madero e McDonald’s, Bob’s e Burger King também aceleram o investimento na modernização de suas lojas. “Percebemos uma procura acirrada por autoatendimento no food service depois da implementação em uma das lojas do McDonald’s no Brasil. A demanda aumenta mês a mês, e até o fim do ano entregaremos projetos pilotos a praticamente todas as grandes marcas do setor”, afirma Felipe M. Lo Sardo, CEO da Goomer, empresa especializada em autoatendimento para food service.

Os totens de autoatendimento têm telas sensíveis ao toque, de diversos tamanhos e formatos. O consumidor consegue realizar o próprio pedido e visualizar todo o cardápio, com imagens e descrições de cada prato, fazendo o pagamento diretamente na máquina. Por fim, o atendente o chama pelo nome, número da comanda ou pager, para entregar o pedido.

A intenção é facilitar a compra e proporcionar melhores experiências ao consumidor. “A experiência do autoatendimento é completa, porque pessoas de qualquer idade podem usar o totem com facilidade”, conclui Felipe.

Além disso, segundo o executivo, o cliente pode consumir exatamente o que quer, personalizando o prato, incluindo adicionais ou optando pelos combos. Os indicadores mostram que ao utilizar o autoatendimento os consumidores acabam gastando mais, pois selecionam mais itens, e permanecem menos tempo em filas.

Hoje, mais do que uma estratégia de marketing para atrair clientes, o autoatendimento é uma das saídas para otimizar custos, aumentar o ticket-médio e melhorar o atendimento ao cliente. “Em um cenário altamente competitivo como o do food service, a modernização torna-se essencial para aumentar a conveniência ao consumidor, ampliar as margens do mercado e agregar valor ao negócio”, afirma Rodolfo Machado, ex-gerente geral da Applebee’s e ex-gerente de mercado (PR - SC) da Pizza Hut no Brasil, atualmente sócio fundador da Wekeep e Liga99.

Conteúdo: Dino

terça-feira, 29 de maio de 2018

Curitiba ganha empreendimento especializado em sanduíches artesanais internacionais


James Hill !

Os hambúrgueres se tornaram uma paixão curitibana, sendo facilmente encontrados em qualquer canto da cidade. Mas para onde podemos ir quando bate a vontade de comer um sanduíche diferente? Pensando nisso, o James Hill – Sandwich Company surge no mercado curitibano com a proposta de oferecer sanduíches artesanais inspirados em clássicos mundiais em um único endereço, com preços acessíveis e receitas irresistíveis.

Instalado na Rua 24 Horas, um dos endereços mais tradicionais da capital paranaense, o empreendimento será inaugurado oficialmente no dia 5 de junho. A casa de sanduíches conta com um cardápio com cinco opções saborosas de preparos pelos preços fixos de R$ 15,90 (sanduíche), R$ 11,90 (sanduíche do dia) ou R$ 23,90 (combo com sanduíche, cone de batatas, molho artesanal e chá ou suco).

Com inspiração canadense, o “Toronto Bacon Ribs” é feito com pão de parmesão, suculenta costelinha suína, bacon, queijo, alface e maionese temperada. Já a reedição do “Memphis Cheese Steak”, primeiro sanduíche do McDonald's, tem deliciosas tiras de carne, queijo, cebola roxa, tomate, alface e maionese temperada em um pão de parmesão. O “Mexican City Chipotle & Avocado” é a união dos melhores sabores da culinária mexicana, feito em pão branco com frango, guacamole, tomate, cebola roxa, maionese artesanal e molho chipotle.

Já os amantes de cachorro-quente podem ficar tranquilos. O James Hill vai oferecer o delicioso “New York Chilli Dog”, tradicional cachorro quente disponível nos jogos de baseball do New York Yankees, servido em pão branco com molho de carne com chilli e feijão, cheddar cremoso, salsicha ao molho e calabresa. Os vegetarianos também podem se deliciar com um belo sanduíche no James Hill. O “Roma Veggie Style” é feito com pão multigrãos, caponata de legumes, tomate seco, queijo branco e molho pesto de manjericão. O empreendimento também oferece cones de batatas frita (R$ 7), batatas rústicas (R$ 7), nachos (R$ 10) e dadinhos de tapioca (R$ 10).

Todos os preparos do empreendimento foram criados pelo chef Danielo Garramone, atualmente coordenador do curso de Gastronomia da Unicesumar, especialista em Gestão de Alimentos e Bebidas, com mais de 15 anos de experiência no setor. “O James Hill será a melhor opção da cidade para quem quiser saborear sanduíches deliciosos e cheios de personalidade. Preparamos opções extremamente saborosas com preparo artesanal, que trarão o gostinho de vários cantos do mundo para a Rua 24 Horas”, destaca o chef Danielo Garramone.

Para o empresário Luiz Breda, idealizador do James Hill e proprietário de outras quatro operações na Rua 24 Horas, outros grandes destaques do empreendimento ficarão por conta dos preços acessíveis e da agilidade no atendimento. "O James Hill trará de forma inovadora um produto artesanal a preço acessível e em um tempo de preparo recorde. Queremos que nossos clientes sejam atendimento em até três minutos nos horários mais calmos e em oito minutos nos horários de pico", completa Breda.

O James Hill – Sandwich Company foi implantado na Rua 24 Horas (Rua Visconde de Nácar - sem número), no Centro de Curitiba, e vai funcionar diariamente das 11h às 20h. O empreendimento será inaugurado oficialmente no dia 5 de junho. Mais informações na página oficial do empreendimento no Facebook (www.facebook.com/jameshillcuritiba) ou pelo telefone 41 3078 9777.

quinta-feira, 17 de maio de 2018

Bebidas para cães: petisco na alimentação dos pets


A amizade entre tutores e pets flui de maneira simples e sem esforço mas, apesar de ser fácil construir esse relacionamento, existem alguns produtos que incentivam ainda mais a interação. Brinquedos são o Top Of Mind nessa proposta, seguidos pelos snacks. Quando se trata de agradar nossos melhores amigos com os petiscos, a recomendação é que esses alimentos tenham valor nutricional. 

Os tutores precisam ficar atentos à formulação e também aos processos de fabricação dos petiscos. Observar e controlar de perto a quantidade para não cometer exageros é um outro alerta que deve ficar no radar. Os snacks líquidos, como a cerveja DogBeer e o vinho Dog’s Wine, são excelentes opções uma vez que foram desenvolvidos especialmente para atender as necessidades nutricionais dos bichos. 

A DogBeer, por exemplo, é uma cerveja canina inspirada na bebida humana. Porém, sem álcool e gás carbônico, ingredientes prejudiciais à saúde dos cães. Ela é feita à base de malte e está disponível nos sabores carne e frango, em garrafas de 355 ml. O produto surgiu de uma parceria com Centro de Tecnologia e Alimentos do Senai de Vassouras, um importante e conceituado centro de pesquisa e formação de mestres cervejeiros na América Latina no estado do Rio de Janeiro. Geralmente a garrafa é encontrada no varejo com o preço sugerido R$ 9,99. 

O Dog’sWine, também inspirado no vinho humano é o primeiro vinho de fabricação nacional produzido especialmente para os cães. Sua fórmula não contém álcool, gás carbônico e nem uva, ingredientes que podem trazer riscos à saúde dos pets. A fórmula do Dog’sWine conta somente com ingredientes naturais, como suco de carne e corante natural de beterraba. O produto foi criado com respaldo da empresa PetConsult e passou por vários testes de palatabilidade. O preço médio do produto varia de R$ 14,90 - apenas a garrafa, e R$ 19,90 - garrafa em embalagem especial. Essa segunda opção ajuda a criar um clima mais recreativo para a situação. 

Outra vantagem de oferecer a cerveja e o vinho para seu cãozinho é o fator novidade. Motivados pela curiosidade, os cães costumam reagir com empolgação todas as vezes que eles enxergam o frasco sendo aberto. Para os tutores, proporcionar essa alegria é divertido e cria-se uma verdadeira oportunidade de fortalecer os laços 
afetivos e de relacionamento.

Sobre o Grupo Ipet

Fundado em 2015 Grupo Ipet é uma das mais promissoras holdings do segmento pet no Brasil. A empresa é detentora das marcas IpetProducts, que dispõe de uma vasta linha de snacks, rações úmidas, acessórios, brinquedos e produtos para higiene e limpeza; DogBeer, cerveja que é resultado de uma mistura de água, malte e extrato de carne; Dog´sWine, um vinho para cães feito com extrato de carne, água e corante natural de beterraba; além dos molhos saborizados Barbecão, Barbecat, Cãotchup e Catchup. Mais recentemente, a empresa lançou o Botecão Pet, uma espécie de bar para animais cujo local pode ser utilizado para festas. O grupo registra um crescimento acentuado e visa a expansão por meio de franquias.

quarta-feira, 16 de maio de 2018

Especialista dá dicas para servir chá com excelência

O chá perfeito!

No sentido estrito da palavra, chá é a bebida que se origina da infusão das folhas da planta Camellia sinensis. Todas bebidas preparadas com outras ervas e frutas devem ser chamadas de infusões. Você sabia que dependendo do horário que você tomar o seu chá, ele pode trazer benefícios para a sua saúde?

“Não é que exista um regra ou horário para o consumo da bebida, mas por exemplo, o chá preto consumido pela manhã estimula os neurotransmissores cerebrais que ajudam a dar energia. O chá verde após as refeições ajuda na digestão e é diurético e o chá e camomila à noite, ajuda a acalmar”, explica Simone Skorek, chef e proprietária da curitibana Chá com Alice.

Simone comenta, ainda, que na hora de preparar um chá, decidir entre infusão e decocção vai interferir diretamente na eficácia da bebida. Por isso, é bom você sempre levar em consideração ingrediente que está sendo utilizado, já que ele também pode indicar a forma adequada de utilização. O método por infusão é o mais utilizado para os chás que usam a Camellia sinensis, ou mistura de ervas como melissa, camomila, capim limão, erva doce.  Já a decocção é usada quando usamos frutas, cascas e raízes para que saiam todos seus sabores e aromas.

Como preparar o chá perfeito?

Etapa 1 – encha um infusor ou um saquinho para chá, (1 medida de colher de chá para cada xicara de chá), com o chá ou a infusão de sua escolha, coloque dentro de um bule de preferência de porcelana ou vidro, o metal pode alterar o gosto e as propriedades.

Etapa 2 – esquente a água na chaleira, sem deixar ferver, em torno de 85°C (quando as primeiras bolinhas começarem a subir)

Etapa 3 – jogue a água no bule, sempre em movimentos circulares para permitir uma maior entrada de oxigênio.

Etapa 4- Deixe a bebida descansar coberta, ela guarda os aromas e maiores propriedades. Cada bebida pede um tempo diferente, de 3 a 7 minutos.

A temperatura e o tempo do seu chá


Temperatura
Tempo
Chá preto
95-96°C
3-5 min
Chá verde
70°C
1-3 min
Chá branco
80°C
2-3 min
Infusão
100°C
5-7 min
Decocção
100°C
5-7 min


*Respeitar temperatura e tempo é importante para que as folhas de seu chá não fiquem queimadas e nem amargas. Beba quente ou gelado.





terça-feira, 15 de maio de 2018

O delicioso Cold Brew na Flipoços


Cold Brew da Confraria!
Um grupo de mulheres que apreciam cafés especiais, a Confraria do Café do Sul de Minas, participou da 12ª edição da Feira Nacional do Livro de Poços de Caldas (Flipoços) - o maior evento cultural e literário da região. A Confraria promoveu um workshop no caminhão escola do Senac-MG sobre o cold brew (café extraído a frio), explicando seu processo de elaboração e levando ao público a degustação de receitas dessa bebida! O Blog do Refri estava lá.
 
Angela Santos Caruso – ao lado de Ana Maria Cagnani Leite (que tem sobrenome predestinado a lidar com café) – apresentou as diferenças entre o cold brew e o iced coffee e ofereceu a degustação do cold brew com chá de erva cidreira, do cold brew com xarope de limão e com o espumante lambrusco. Todas as receitas foram aprovadas pelos alunos.
 
Durante a Flipoços, o caminhão do Senac-MG ofereceu diversos cursos. Os alunos tiveram a oportunidade de aprender a fazer e degustar delícias como o sanduíche de frango com manga diet, o tagliatelli a carbonara, a espetacular paella mineira (feita para mais de 50 pessoas pelo chef Ronnie Peterson), além de bebidas como o Aperol Spritz, o Kir Royale, Sangria e Rossini.

sexta-feira, 11 de maio de 2018

Dono da Dolly é preso por suspeita de fraude fiscal

Sonegou, dançou!

No Blog do Refri, jamais imaginamos dedicar uma página a tema policial num segmento tão refrescante que envolve somente refrigerantes, águas, chás, isotônicos e energéticos. Mas sempre tem uma primeira vez. Para tudo nessa vida. A Polícia prendeu nesta quinta-feira (10), o empresário Laerte Codonho, dono da fábrica de refrigerantes Dolly, por suspeita de fraude fiscal continuada e estruturada, sonegação, lavagem de dinheiro e organização criminosa. Estima-se que o montante dos crimes ultrapasse os R$ 4 bilhões.

Codonho foi preso na casa onde mora no município de Cotia, na Grande São Paulo, e levado para o 77º Distrito Policial, no bairro Santa Cecília, no centro da capital paulista. A caminho da delegacia, ele exibiu um pequeno cartaz em que apontava a concorrente Coca-Cola como responsável por sua prisão.

A briga com a gigante americana é antiga: em 2003, ele denunciou a Coca-Cola no Conselho Administrativo de Direito Econômico (Cade) por práticas de concorrência desleal e de abuso de poder econômico. Na ocasião, Cadonho alegava que a empresa sediada em Atlanta queria tirar a Dolly do mercado. Dois anos depois, foi a vez da Coca-Cola processá-lo pelas mesmas acusações.

A Justiça decretou a prisão temporária do empresário. Dois helicópteros da empresa e uma Ferrari, supostamente adquiridos com recursos advindos de atividade fraudulenta, foram confiscados pelo Ministério Público. Em nota, a defesa do acusado afirma que "Em relação à prisão temporária do empresário Laerte Codonho, detentor da marca Dolly, reforçamos que a prisão é injusta. Laerte Codonho sempre colaborou com as autoridades, e tem certeza que provará sua inocência. A defesa recorrerá da decisão e confia na Justiça".

quinta-feira, 10 de maio de 2018

Guaraná Antarctica veste latas com cores do Brasil


Colecionáveis!

O Guaraná Antarctica acaba de anunciar uma edição limitada de latas decoradas com as cores do Brasil. Patrocinadora oficial da Seleção Brasileira desde 2002, a marca apresenta quatro modelos de 350 ml nas cores verde, amarela, azul e branca. A novidade chega aos pontos de venda de todo o país ainda em maio.

“Guaraná Antarctica é um refrigerante original do Brasil nascido em solo nacional em 1921. Durante toda a nossa história sempre nos orgulhamos da nossa origem brasileira e, nesse ano vamos vestir a camisa com as cores da bandeira do Brasil”, explica Jaqueline Barsi, gerente de marketing da marca.

O lançamento das latas decoradas é mais uma das ações do Guaraná Antarctica como parte da campanha "Tudo Pela Seleção" que demonstra sua forma de torcer pela Seleção Brasileira.
Em tempo: Infelizmente, o produto mantém a infeliz ideia de suspender as exportações aos países adversários do Brasil na Copa. É o marketing de cabeça pra baixo - ou de ponta-cabeça-, como se diz em outras regiões do país.

sexta-feira, 27 de abril de 2018

Bebidas boas pra cachorro!

Petisco líquido!

A amizade entre tutores e pets flui de maneira simples e sem esforço, mas, apesar de ser descomplicado construir esse relacionamento, existem alguns produtos que incentivam ainda mais a interação. Brinquedos são o Top Of Mind nessa proposta, seguidos pelos snacks. Quando se trata de agradar nossos melhores amigos com os petiscos, a recomendação é que esses alimentos tenham valor nutricional.

Os tutores precisam ficar atentos à formulação e também aos processos de fabricação dos petiscos. Observar e controlar de perto a quantidade para não cometer exageros é um outro alerta que deve ficar no radar. Os snacks líquidos, como a cerveja DogBeer e o vinho Dog’s Wine, são excelentes opções uma vez que foram desenvolvidos especialmente para atender as necessidades nutricionais dos bichos. 

A DogBeer, por exemplo, é uma cerveja canina inspirada na bebida humana. Porém, sem álcool e gás carbônico, ingredientes prejudiciais à saúde dos cães. Ela é feita à base de malte e está disponível nos sabores carne e frango, em garrafas de 355 ml. O produto surgiu de uma parceria com Centro de Tecnologia e Alimentos do Senai de Vassouras, um importante e conceituado centro de pesquisa e formação de mestres cervejeiros na América Latina no estado do Rio de Janeiro. Geralmente a garrafa é encontrada no varejo com o preço sugerido R$ 9,99. 

O Dog’sWine, também inspirado no vinho humano é o primeiro vinho de fabricação nacional produzido especialmente para os cães. Sua fórmula não contém álcool, gás carbônico e nem uva, ingredientes que podem trazer riscos à saúde dos pets. A fórmula do Dog’sWine conta somente com ingredientes naturais, como suco de carne e corante natural de beterraba. O produto foi criado com respaldo da empresa PetConsult e passou por vários testes de palatabilidade. O preço médio do produto varia de R$14,90 - apenas a garrafa, e R$19,90 - garrafa em embalagem especial. Essa segunda opção ajuda a criar um clima mais recreativo para a situação. 

Outra vantagem de oferecer a cerveja e o vinho para seu cãozinho é o fator novidade. Motivados pela curiosidade, os cães costumam reagir com empolgação todas as vezes que eles enxergam o frasco sendo aberto. Para os tutores, proporcionar essa alegria é divertido e cria-se uma verdadeira oportunidade de fortalecer os laços afetivos e de relacionamento.

Sobre o Grupo Ipet

Fundado em 2015, o Grupo Ipet é uma das mais promissoras holdings do segmento pet no Brasil. A empresa é detentora das marcas IpetProducts, que dispõe de uma vasta linha de snacks, rações úmidas, acessórios, brinquedos e produtos para higiene e limpeza; DogBeer, cerveja que é resultado de uma mistura de água, malte e extrato de carne; Dog´sWine, um vinho para cães feito com extrato de carne, água e corante natural de beterraba; além dos molhos saborizados Barbecão, Barbecat, Cãotchup e Catchup. Mais recentemente, a empresa lançou o Botecão Pet, uma espécie de bar para animais cujo local pode ser utilizado para festas. O Grupo registra um crescimento acentuado e visa a expansão por meio de franquias.

quarta-feira, 25 de abril de 2018

Patrocinador da seleção brasileira, Guaraná Antarctica suspende exportação para nossos adversários durante a Copa do Mundo. Veja o vídeo.


Francisco, socorro!

Presente em 70% do mercado de refrigerantes no mundo, em mais de 50 países, o Guaraná Antarctica decidiu suspender a exportação do produto para países adversários do Brasil até o final de julho. A ação, considerada uma estratégia de marketing arrojada e inédita, tem o objetivo de “mostrar o quanto nos orgulhamos de ser brasileiros e de estarmos há 15 anos ao lado da Seleção Brasileira e dos torcedores”, segundo o texto do release divulgado à imprensa pela assessoria de imprensa da empresa In Press Porter Novelli. O comercial de TV termina com a frase “Não gostou? Reclama com o Papa” – mas lembra que “melhor não. Ele é argentino”.

Assim, a marca da Ambev – que integra a Inbev, cujos principais controladores são os bilionários brasileiros Jorge Paulo Lemann, Marcel Telles e Beto Sicupira – decidiu sair, por exemplo, das prateleiras e gôndolas dos mercados da Suíça, Costa Rica e Sérvia em nome do patriotismo. Se por acaso, os suíços – para citar somente eles - dessem o troco, o consumidor brasileiro poderia se ver sem, por exemplo, os produtos dos laboratórios Novartis, Sandoz e Roche – com medicamentos vitais para doenças como hipertensão arterial, síndrome do intestino irritável e os males de Alzheimer e de Parkinson. Isso sem falar dos chocolates, joias e relógios. Décima quinta maior economia de exportação do mundo, o país europeu teve, em 2016, saldo de US$ 34,7 bilhões na balança comercial e um PIB de US$ 659 bilhões. Não é um mercado a se desprezar.

Se passar da fase de grupos da Copa, o Brasil vai se confrontar com um dos classificados do grupo F – formado por Alemanha (a economia mais importante da Europa), México (13ª economia do mundo), Suécia (uma das economias que mais crescem no planeta) e Coreia do Sul (a 11ª maior). Considerando que todos estes são importantíssimos parceiros comerciais, a ação estratégica de marketing da Antarctica merece uma reavaliação. Pelo jeito, pouco aprendemos com os 7 x 1 ou com o Papa Francisco.




Segue, na íntegra, o release de imprensa aprovado pela marca:

Guaraná Antarctica mostra em nova campanha o que é capaz de fazer pela Seleção Brasileira

O refrigerante mais brasileiro de todos suspende exportação para países adversários do Brasil até o final de julho. O que é original do Brasil, fica no Brasil, para fortalecer a nossa seleção

O melhor do brasileiro é a sua brasilidade. E, todo mundo sabe, quem nasce por aqui tem um jeito singular, espontâneo e contagiante de torcer e jogar futebol. Com 96 anos de história, o Guaraná Antarctica tem orgulho de sua origem amazônica e de representar o sabor do Brasil pelo mundo. Para reforçar a relação histórica do refrigerante com o país e os torcedores da Seleção Brasileira, de quem é parceiro desde 2002, o Guaraná Antarctica decidiu privar os adversários do sabor e da força do Brasil até julho.  Assim nenhum adversário poderá beber da ginga brasuca no período, deixando em território nacional a fórmula e gostinho únicos da fruta típica do Brasil.

“Suspender a exportação do Guaraná é uma forma de mostrar o quanto nos orgulhamos de ser brasileiros e de estar 15 anos ao lado da Seleção Brasileira e dos torcedores. Vamos proteger a nossa “fórmula mágica da brasilidade” dos nossos adversários temporariamente. Esse é o jeito Guaraná de torcer, passar confiança e fortalecer ainda mais o elo entre o refrigerante mais brasileiro de todos, a seleção e os nossos torcedores”, comenta Jaqueline Barsi, gerente de marketing de Guaraná Antarctica.

Para marcar esse anúncio a marca lança campanha nacional para contar para todos os brasileiros essa novidade. As produções revelam pessoas de diferentes nacionalidades bebendo Guaraná Antarctica e incorporando um pouco da ginga brasileira. Na dúvida, a marca interrompe e declara o fim da exportação nesse período. A criação é da agência F/Nazca Saatchi. 

Atualmente, o Guaraná Antarctica está presente em 70% do mercado de refrigerantes no mundo, em mais de 50 países, só que nessa ação inédita da companhia, os adversários terão as exportações temporariamente suspensas, até o final de julho.



sexta-feira, 20 de abril de 2018

Canudos de plástico proibidos no Reino Unido



Foto: Pexels (free stock photos)

Forbidden!

Os canudos de plástico, os mexedores de bebidas e também os cotonetes estão com os dias contados no Reino Unido. A primeira-ministra Theresa May vai pedir a todos os países da Commonwealth que se juntem à luta contra a poluição por plásticos depois que o parlamento decidiu hoje promover uma consulta popular e negociações corporativas ainda este ano para abolir o uso destes itens já a partir de 2019. May descreveu o Reino Unido como um "líder mundial" na questão dos plásticos, acrescentando que o público britânico "demonstrou paixão e energia ao abraçar a nossa carga de sacolas plásticas e a proibição de microesferas". A proposta "totalmente não ambiciosa" é de eliminar todos os resíduos plásticos evitáveis até 2042.

Além de seus esforços domésticos, o governo do Reino Unido está oferecendo £ 61,4 milhões (US $ 87,3 milhões) em financiamento para pesquisa global e melhorias na gestão de resíduos em países em desenvolvimento, disse May. A ideia é que os cientistas dos quatro países que compõem o bloco -  Escócia, Inglaterra, Irlanda do Norte e País de Gales – busquem uma enzima que “coma” a poluição plástica que se alastra pelo planeta.

A primeira-ministra destacou que canudos, cotonetes e mexedores são uma das fontes mais sérias de poluição marinha. Eles são pequenos o suficiente para serem comidos pelos pássaros e pela vida marinha. No total, estima-se que existam 150 milhões de toneladas de plástico nos oceanos do mundo, e que mais de 100.000 mamíferos marinhos morrem por comer ou se enroscarem em resíduos de plástico. As microesferas de plástico já estavam proibidas na ilha britânica. 

O secretário do Meio Ambiente, Michael Gove, disse que "plásticos de uso único são um flagelo em nossos mares e letais para o nosso precioso ambiente e vida selvagem, por isso é vital agirmos agora". Muitas empresas na Grã-Bretanha já tomaram medidas para reduzir o uso de canudos de plástico em meio à crescente preocupação do público com o impacto dos resíduos plásticos na vida oceânica. De acordo com o governo do Reino Unido, um milhão de aves e mais de 100 mil mamíferos marinhos morrem a cada ano por comer e se emaranhar em resíduos de plástico.

terça-feira, 17 de abril de 2018

Relançado no Ceará, Grapette apoia circo show de Marcos Frotta na cidade de Sobral

Respeitável público!


Com o apoio da marca Grapette e da Delrio Refrigerantes, o Marcos Frota Circo Show permanece em Sobral/CE, até o dia 22 de abril. As apresentações acontecem de terça a sexta-feira, às 20h30. Aos sábados, domingos e feriados, em três horários: 16, 18 e 21 horas, com ingressos a partir de R$ 10.

Para enriquecer ainda mais a experiência da plateia, além das diversas atrações para crianças e adultos, os sobralenses poderão viajar no tempo experimentando o refrigerante Grapette, relançado naquele estado do Nordeste, em 2017, pela franquia da marca. Fora da tenda, infláveis no formato das garrafas, blimps, quiosques comercializando a bebida e mensagens em telão prometem transportar o público para uma época em que as tradições eram vividas e passadas de pais para filhos.



De acordo com o diretor administrativo da Delrio, Moacyr Melo, a ação visa estimular os consumidores a criarem memórias positivas e associá-las ao sabor do refrigerante Grapette. "Nossa expectativa visa aumentar o market share do produto, de maneira consciente e sustentável para que, mais uma vez, Grapette seja parte da história de toda uma geração", disse.

As peças promocionais da marca, estrategicamente posicionadas, contribuirão tanto para a identificação do produto quanto para o direcionamento do público aos serviços disponíveis. 

Eleita pela Saborama Sabores e Concentrados para Bebidas Ltda. - empresa sócio-detentora da marca Grapette, no Brasil, como engarrafadora exclusiva do refrigerante, no Ceará -, a Delrio Refrigerantes Ltda é reconhecida como uma das empresas empreendedoras que mais contribuem com o fisco estadual e o desenvolvimento da região. Desde 2016, a Delrio está entre os 20 melhores lugares para se trabalhar, de acordo com a certificação GPTW (Great Place to Work). 

quarta-feira, 11 de abril de 2018

Chá de Cacau é novidade no mercado brasileiro

Cuore di Cacao!

Ainda pouco comum no Brasil, o chá de cacau é uma bebida que, além de saborosa, traz inúmeros benefícios pra saúde. Pensando nisso, a chocolateria curitibana Cuore di Cacao, que produz chocolates premium “Bean To Bar”, acaba de lançar o seu exclusivo chá de cacau, que traz todo o histórico de excelência da marca. 

A bebida, que pode ser consumida quente ou fria, é energética, rica em antioxidantes, um ótimo anti-inflamatório, ajuda a melhorar o humor, além de trazer aquele gostinho de chocolate sem tantas calorias. O chá de cacau é também versátil, já que pode sem consumido tanto quente, como se fosse um “chocolate quente”, como frio, acompanhado de laranja e folhas de hortelã. 

A novidade faz com que a Cuore di Cacao aproveite 100% das amêndoas de cacau em sua produção, trabalhando de uma forma mais sustentável. “O legal é que ele nos permite fazer o uso integral das amêndoas de cacau, pois é feito com as cascas, que não são usadas para fazer chocolate”, comenta Bibiana Schneider. Para quem quiser consumir a bebida na loja da Cuore em Curitiba, o bule com 350 ml é servido a R$ 14. 

Além disso, o chá pode ser levado para casa. O vidro com 30g custa R$ 20. A chocolateria disponibiliza, também, um kit (R$ 140) que traz o chá de cacau, gotas de chocolate meio amargo e dois copinhos de cerâmica artesanal feitos pela arquiteta e ceramista Dani Costa. Para quem não mora na capital paranaense, a Cuore di Cacaoentrega em todo o Brasil. Os pedidos podem ser feitos por meio do site oficial da marca.  

A Cuore di Cacao conta com uma unidade própria em Curitiba, no bairro Batel (Rua Fernando Simas, 347), e com diversos pontos de venda espalhados pelo país. Mais informações pelo telefone (41) 3014-4010 ou no sitewww.cuoredicacao.com.br. 


quarta-feira, 4 de abril de 2018

Receita detox para quem exagerou na Páscoa


Maldito coelhinho...

A Páscoa é uma data especial que une pessoas ao redor de uma mesa farta e repleta de gostosuras. E, claro, não podemos esquecer da famosa troca de presentes em forma de ovos de chocolate. Uma delícia atrás da outra. Pensando nisso, Renata de Abreu, renomada terapeuta corporal e especialista em Spas, preparou uma receita de suco turbinado, excelente para quem quer voltar à rotina depois dos exageros pascoais.
Trata-se do elixir, bebida balsâmica exclusiva que auxilia ainda mais na eliminação das toxinas, criado pela terapeuta especialmente para o tratamento da Massagem Detox Power. Gostou? Então tome nota:
Elixir por Renata de Abreu
Base: Suco de Limão, com casca.
Ingredientes:
  • 1 limão
  • 1 lasca de gengibre
  • Pimenta caiena a gosto
  • 1 colher de chá de cúrcuma em pó
  • 1 colher de café de mel
  • 1 colher de chá de chia
Modo de preparo:
Em um juicer, passe o limão cortado com a casca e o gengibre sem a casca. Com o suco pronto, junte a cúrcuma em pó, o mel, a chia e a pimenta caiena a gosto e misture bem. Beba em seguida. Se for usar o liquidificador, bata apenas o limão e o gengibre e coe. Com o suco que restou, faça a mistura dos demais ingredientes e está pronto para beber. Rende uma porção.
Além de alcalino, o suco tem efeito termogênico, ou seja, dá aquela esquentada no organismo e auxilia no funcionamento do intestino, proporcionando uma boa digestão e a eliminação de toxinas.
Detox Power
Reconhecida pela expertise em implantação de spas de luxo ao redor do mundo, Renata de Abreu lança este ano no país o tratamento estético Detox Power, junção de quatro terapias Ayurvedas, que promovem a desintoxicação com foco no estímulo do sistema linfático e digestivo, potencializando a eliminação de toxinas e funcionamento do intestino. A Detox Power une os conhecimentos milenares da Índia, os movimentos da massagem modeladora e o uso de ervas e óleos especiais para promover uma verdadeira desintoxicação do organismo.

sexta-feira, 30 de março de 2018

Café gelado, fácil e refrescante !!!

Divulgação

Cold o quê?

O Brasil é país tropical com clima quente (quase) o ano todo, por isso, receitas refrescantes e gostosas caem bem nas estações e dias mais quentes. O Cold Brew, que é o nome dado ao café extraído a frio, já é sucesso em vários países da Europa e também nos Estados Unidos, onde é possível encontrar em supermercados a mistura já pronta para tomar.

Débora Azevedo Reis, barista e uma das fundadoras da marca de cafés especiais Coffee & Joy, traz uma receita super fácil para fazer em casa, que promete refrescar e dar energia para os amantes da bebida.

COLDBREW
Rende 2 Drinques

INGREDIENTES
1. 50g café especial
2. 500ml água mineral ou filtrada
3. Gelo

PREPARO
1. Moa o café em moagem grossa (se não tiver moedor em casa, escolha cafés com moagem para o método Prensa Francesa).
2. Em uma garrafa com tampa, junte o café com a água gelada
3. Misture bem e deixe na geladeira por 12 horas.
4. Coe todo o líquido em filtro de papel.
5. Sirva com bastante gelo.
6. Opcionais: (1) coloque um raminho de alecrim; ou (2) sirva com lascas de limão.
7. Enjoy!